• Chegou a hora da verdade, golpistas

    No Blog da Cidadania

    Imagino que poucos tenham sido os que perderam tempo de sono assistindo à encenação barata levada a cabo no Senado da República na madrugada desta quinta-feira, 12 de maio de 2016. Este blogueiro não esteve entre esse bando de crédulos, por óbvio. Pouco importou o que disse este ou aquele senador. As cartas estavam marcadas.

    Não aconteceu nada de relevante no Plenário do Senado. Todos sabiam que nada havia a esperar. Nenhuma defesa de Dilma, por mais brilhante que fosse, mudaria o rumo das coisas. Nenhuma acusação que coonestasse o que lá ocorria veio nos salvar da confirmação de que a democracia estava sendo violentada com requintes de crueldade – pela capa torturante de “legalidade” (mal) estendida sobre o processo de impeachment de Dilma Vana Rousseff.

    O impeachment, pode-se dizer, ocorreu sob amplo constrangimento dos seus autores, dos seus executores e da assistência no entorno.

    Leia mais em Gestão Dória será investigada por cárcere privado de servidores


  • A Justiça de Moro – Cláudia Cruz, inocentada. Já Marisa Letícia, nem depois de morta.

    O Cafezinho

    Por Bojonas Teixeira Marisa Letícia, submetida ao estresse extremo, sofreu um AVC e morreu. Os médicos são unânimes em que o ambiente de pressão, de perseguição e linchamento foi causa decisiva para essa morte. Mas, mesmo assim, Sérgio Moro não a absolveu. Os advogados pediram a absolvição dela após a morte. Mas ele não aceitou. Apenas decretou a “extinção da punibilidade”. Ou seja, manteve um espinho cravado sobre a alma dela, mesmo depois de morta. Perseguindo-a, com as fúrias da lei, mesmo no outro mundo. Mas e Claudia Cruz? Cláudia, foi absolvida.

    Marisa Letícia nunca teve conta na Suíça, não fez gastos de US$ 526 mil no cartão de crédito, ou seja, mais de meio milhão de dólares, em compras suntuosas nas capitais do luxo. No entanto, apesar de Cláudia, como é conhecida na intimidade, gastar mais de meio milhão de dólares em futilidades, Moro viu nisso só inocência. Só vislumbrou boa fé. No caso de Maria Letícia, ao contrário, aceitou a denúncia ridícula que a acusa de lavagem de dinheiro por um triplex que ela nunca usou. Cláudia Cruz comprou, usou, consumiu, usufruiu, ostentou. Mas é inocente. Já no caso de Marisa, não comprou, não usou, não habitou – Mas havia elementos suficientes para que o juiz aceitasse a acusação.

    Leia mais em A Justiça de Moro – Cláudia Cruz, inocentada. Já Marisa Letícia, nem depois de morta


  • Doleiro preso por tráfico ajudaria Aécio na lavagem de propina, suspeita Lava Jato

    GNN Notícias

    Jornal GGN - No documento em que reforça o pedido de prisão contra Aécio Neves ao Supremo Tribunal Federal, o procurador-geral da República Rodrigo Janot revela que além da empresa da família Perrela, um doleiro condenado por tráfico internacional de diamentes é suspeito de ajudar o senador mineiro na lavagem da propina que ele teria recebido da JBS.

    Nas investigações sobre o caso, a Polícia Federal flagrou o assessor parlamentar de Zezé Perrela, Mendherson Souza Lima, conversando de maneira cifrada com o doleiro Gaby Amine Toufic Madi, condenado a 7 anos de prisão em 2016.

    Clique para continuar a ler.


  • Coloque seu e-mail para receber novidades e notificações do Blog.

    Junte-se a 792 outros seguidores

  • Recomendo leitura

Sucessivos erros fragilizaram o PT em Queimados/RJ

Foi uma sucessão de erros.

_estrela_-_brancaEm 2012 o PT aliou-se ao PMDB num acordo que envolvia troca de posições nas eleições deste ano, mas quem conhece Max Lemos sabe que acordos com ele não são críveis. Escorregadio e egocêntrico, se o acordo não lhe favorecer ele não cumprirá. Sempre foi assim. Mesmo assim o PT apostou num governo de coalizão e partiu para indicar a vice-prefeitura e ocupar alguns cargos importantes no governo. O que o PT não avaliou era a tal coalizão envolvendo 23 partidos políticos e como um governo municipal de uma cidade com pouco mais de 110 mil eleitores contemplaria a todos e fazer uma gestão eficiente.

Eleitos, Max (prefeito) e Márcia Maria (vice-prefeita) começaram a gestão de maneira amigável. As indicações de duas Secretarias, entretanto, foram indicações sem critério técnico, mas político, e de acordo com o desenho feito para as eleições de 2016, tanto assim que as indicações não foram tratadas internamente, com discussões no partido, mas a nível de cúpula. Um erro crasso para o partido!

Parte dos que foram nomeados se rebelaram contra o projeto 2016 e resolveram aniquilar a candidatura de Zaqueu Teixeira e resolveram operar pela manutenção da aliança com o PMDB ainda que pese o fato do atual prefeito e de seu indicado para concorrer à sua sucessão terem editado na cidade aquilo que ficou chamado de Aezão, numa alusão à dobrada Aécio Neves e Pezão, golpistas que atuam pelo impedimento da presidente Dilma Rousseff, nas eleições de 2014.

Não bastasse a crise nacional que atingiu em cheio o Partido dos Trabalhadores todo esse imbróglio deixou de lado o PT que sofreu impactos difíceis de serem revertidos para as eleições 2016. Enquanto Zaqueu Teixeira era pré-candidato a prefeito pelo PT conseguiu reunir um grupo de 11 pré-candidatos a vereador. Quando Zaqueu migrou para o PDT, 10 deles migraram para outros partidos e o partido não conseguiu aglutinar pessoas com interesse na disputa. Com esse quadro, o PT não tem uma chapa de candidatos a vereador o que o obriga a pensar em aliança na proporcional considerando que deve ter, hoje, no máximo, 5 candidatos e todos do gênero masculino.

O PT Queimados que antes contava com Deputado Estadual, Vice-Prefeita e Vereador corre o risco de não eleger vereador e, ao final desta administração, ficar sem a Vice-Prefeita.

Quando os interesses pessoais falam mais alto que os interesses do Partido as consequências são drásticas.

Anúncios

2 Respostas

  1. Bom dia aqui quem fala é Ribamar Dadinho,vejo que vc não sabe da realidade é tem preferência eleitoral só para lembrar que quem comanda o Detran e a Fundação Leão 13 em Queimados é ZAQUEU e sua esposa a pasta de coordenação social e nem aparece.Vai Respeito sua opinião mas se aprofunde dos fatos para não passar como desinformado.O bs que acordo foi esse vc viu?Eu não.

    • Sr. Ribamar, preferência eleitoral todos temos. Eu tenho a minha e você tem a sua. Não sei o que o Detran tem a ver com os problemas internos do PT, mas a avaliação desta postagem é geral. Digo que são erros as nomeações sem discussão com o partido. Aliás, é bom que saiba que sua nomeação se deu num acordo com Zaqueu. Você não sabe disso porque esquece aqueles que te ajudam e os trai. Talvez estejamos desinformados sim, mas você não contribuiu para informar ninguém tal o seu despreparo político e sua incapacidade de compreensão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: